Mel, o único alimento que não apodrece.

06 nov 2010 | By

Mel, o único alimento que não apodrece.

Graças à alta concentração de açúcar, o mel mata as bactérias por lise osmótica e os fermentos aerotransportados não podem prosperar devido à baixa umidade que este contém. Por isso os translados de corpos humanos na antiguidade eram feitos submersos em mel; por exemplo, Alexandre Magno viajou desde a Babilônia até Alexandria no Egito em 323 a . C. e Agesilao II, rei de Esparta, desde o Egito até sua cidade natal em 360 a . C., utilizando-se mel para evitar a decomposição. O mel não perde nada, é altamente perdurável, e não caduca. A lise osmótica é uma coisa um pouco complexa de explicar e entender, mas é um processo biológico no qual a parede de uma célulase rompe a partir da pressão osmótica. É um efeito que somente acontece quando há duas substâncias, com diferentes quantidades de outras substâncias dissolvidas, separadas por uma membrana semipermeável. O efeito preservante do mel deve-se a sua baixa concentração de água e é idêntico ao que permite a prolongada

conservação dos doces e das frutas em conserva onde o alto conteúdo de açúcar diminui o conteúdo de água. As abelhas acrescentam ademais uma enzima chamada glicose oxidase. Quando o mel é aplicado sobre as feridas esta enzima produz a liberação local de peróxido de hidrogênio, que é o que comumente chamamos de água oxigenada, e que ajuda a cicatrizar as feridas abertas. É por estas e outras que é recomendável terem um bom pote de mel em casa


Edição e textos: Katia Raynier
Base para este post:
Chef Marcio Lopes
É Chef de Cozinha, graduado pelo Curso Cozinheiro Chefe Internacional, do SENAC de Águas de São Pedro juntamente com o The Culinary Institute of America, consultor gastronômico, professor nas áreas de Bar e Restaurante. Com a docência mantem viva a paixão pela profissão. Sente prazer em  passar adiante os seus conhecimentos e participar na formação de profissionais de cozinha.

3 comentários em “Mel, o único alimento que não apodrece.

  1. Elvira SLNo Gravatar disse:

    Falar nisso, eu não sei pq que usam estas pazinhas em formato de colméia pra pegar o mel, lambuza tudo e o mel fica todo no meio dos vãos, é horrível de usar isso!!! Eu prefiro uma colher de sopa mesmo :tongue:

  2. katia raynierNo Gravatar disse:

    Eu tambem me pergunto isso , mas fiz um teste e vi que pela viscosidade bem espessa, se ficar dentro do pote fica cheio os vaos e ao segurar pendurada a pazinha suspensa o mel escorre fora em maior quantidade do que se pegar por uma colher e sai mais rapido devido nao criar vacuo, como acontece na garrafa.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: