16 de agosto dia do Filósofo

16 ago 2011 | By

El Filosofo Socrates

O filósofo é uma pessoa que está acima das paixões, dos acidentes da vida, é um incrédulo, um livre-pensador, vive meio afastado da sociedade e é indiferente às coisas do mundo, é praticamente um ser excêntrico, está mais próximo do saber e da ciência.

A figura do filósofo tem a sua importância, ele reflete sobre todas as coisas cotidianas e essenciais. A Filosofia data do século IV A.C., surgiu na Grécia Antiga, como uma atividade especial do homem sábio, o amigo do saber (filo + sophia = amor à sabedoria).

Desde então inúmeras foram as tentativas de definir exatamente o que procura e o que faz um filósofo. Apesar do reconhecimento, as opiniões são imprecisas e divergentes em relação a determinar qual a sua verdadeira ciência. Aristóteles, discípulo de Platão e fundador do Liceu, uma escola voltada para o saber e a ciência que ele instalou em Atenas no mesmo século IV A.C., fez uma das mais claras exposições sobre as qualidades da filosofia.

Em todos os ramos do conhecimento a presença do filósofo pode ser sentida. Seja defendendo, seja criticando, os filósofos procuram marcar suas posições diante de toda atividade humana que envolva a reflexão. Sempre na esperança de poder encontrar algum critério ou princípio que justifique uma tomada de decisão ou uma argumentação qualquer. Da religião às artes, buscou-se, muitas vezes em vão, fornecer algum esclarecimento sobre a melhor maneira de se posicionar a respeito dos assuntos mais interessantes do ponto de vista humano.

Freqüentemente, tinha-se a impressão de que um conhecimento da verdadeira atitude a ser adotada já havia sido estabelecido. Porém, no instante posterior, outro filósofo rebatia essa postulação, argumentando que um entendimento geral de tudo não seria possível e que somente uma compreensão parcial poderia ser obtida. Por causa dessas idas e vindas, o papel do filósofo na sociedade variou bastante. Ora ele vestia a toga de juiz imparcial e neutro que, de posse de uma razão absoluta, poderia determinar o princípio pelo qual todos deveriam se orientar. Ora afastava-se do convívio dos outros, uma vez que em nada poderia influir para solução dos conflitos argumentativos, sendo obrigado a suspender seu juízo sobre o mundo.

A falta de uma função específica para a filosofia, devido ao fato dela procurar discutir todos os temas relativos ao entendimento humano, tornou-a uma disciplina de difícil aceitação quanto a sua participação social. Eventualmente, a finalidade da filosofia é algo que apenas os filósofos poderiam opinar. Entretanto, dadas as exigências de justificação de todos os princípios, a solução filosófica para definir a melhor concepção de filosofia está paradoxalmente enredada numa explicação circular que os próprios filósofos rejeitam. Talvez a única alternativa para a quebra desse círculo seja deixar para a própria sociedade a definição do papel a ser exercido pelos filósofos.

A principal característica  é a de que ele não é um especialista. O sophós, o sábio, é um conhecedor de todas as coisas sem possuir uma ciência específica. O seu olhar derrama-se pelo mundo, sua curiosidade insaciável o faz investigar tanto os mistérios do cosmo e da physis, a natureza, como as que dizem respeito ao homem e à sociedade. No fundo, o filósofo é um desvelador, alguém que afasta o véu daquilo que está a encobrir os nossos olhos e procura mostrar os objetos na sua forma e posição original, agindo como alguém que encontra uma estátua jogada no fundo do mar coberta de musgo e algas, e gradativamente, afastando-as uma a uma, vem a revelar-nos a sua bela forma e esplendor.

Os grandes filósofos da história:

* Período Clássico

Emergência Histórica da Filosofia ( De Mileto a Atenas )
Anaximandro,Aristóteles, Atomistas, Demócrito, Diógenes,Epicuro, Heraclito, Parménides, Pitágoras,Pitagóricos, Platão, Protágoras, Sócrates,Tales

* Período medieval

Agostinho de Hipona, Tomás de Aquino

* Período moderno 

Descartes, Locke, Hume, Kant

* Período contemporâneo 

(Séc.XIX) 
Hegel,Marx, Nietzsche.

(Séc.XX) 
Bachelard, Bergson, Bertrand Russel, Carnap, Cassirer, Edgar Morin , Foucault, Freud, Habermas, Husserl, Whitehead, Wiener, William James, Wittgenstein, Dewey, Marcuse, Scheler, Popper, Ricoeur, Sartre)

Algumas frases de filósofos famosos.

O homem é do tamanho do seu sonho. (Fernando Pessoa)

Quem não sente a ânsia de ser mais, não chegará a ser nada. (Miguel De Unamuno)

Ninguém é tão sábio que nada tenha para aprender, nem tão tolo que nada tenha pra ensinar. (Blaise Pascal)

O mais desperdiçado de todos, é os dias sem um sorriso. 
(E. E. Cumming)

O ideal no casamento é que a mulher seja cega e o homem surdo.(Sócrates)

Sob a direção de um forte general, não haverá jamais soldados fracos.(Sócrates)

A inteligência é a insolência educada.(Aristóteles)

O homem solitário é uma besta ou um deus.(Aristóteles)

O caráter de um homem faz o seu destino.(Demócrito)

Se sofrer uma injustiça, console-se, a verdadeira infelicidade é cometê-la.(Demócrito)

De todos os animais selvagens, o homem jovem é o mais difícil de domar.(Platão)

Você pode descobrir mais sobre uma pessoa em uma hora de brincadeira do que em um ano de conversa.(Platão)

Fonte: Filosofia , Filosofos, Frases

Antonella Barcelos 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: