Aprenda a usar a Auto-Hipnose

07 abr 2011 | By

 

obs: os vídeos desta postagem apos a leitura do texto, recomendo que sejam assistidos em tela cheia para melhor resultado.

Os passos para a auto-hipnose

É preciso praticar muito para ser induzido na hipnose. Os músculos do corpo e a mente têm que se acostumar a relaxar e deixar de lado a parte analítica e intelectual.

Este é um procedimento simples para praticar a auto-hipnose.

1. O primeiro passo consiste em estabelecer um objetivo claro para a sessão de auto-hipnose. Depois de estabelecer o objetivo (por exemplo, “Quero estar mais relaxado e tranqüilo no meu trabalho”), temos que resumir o objetivo em uma frase positiva. Esta afirmação guiará a mente subconsciente para buscar a memória relacionada à tranqüilidade e ao relaxamento.

2. Sente-se comodamente em uma poltrona ou, se preferir, deite-se na cama. Retire anéis, relógio e outros acessórios que possam incomodar. Olhe fixamente para uma imagem. Mantenha o olhar fixo mesmo que os olhos comecem a se cansar. Quando as pálpebras não agüentarem mais, inspire fundo e, ao expirar, feche os olhos.

USANDO A RESPIRAÇÃO PARA CONSEGUIR
MUDANÇAS FISIOLÓGICAS E PSICOLÓGICAS
A respiração profunda tem o poder de acelerar ou diminuir o seu ritmo. Se estivermos muito excitados e/ou  tensos, ela pode conduzir-nos a um estado mais profundo erelaxado. Se estivermos muito relaxados, ela pode nos excitar.
A técnica é muito simples. Inicialmente sente-se ou deite-se numa posição confortável. Com o tempo, poderá usar a técnica em pé ou andando, ou mesmo conversando com outras pessoas de olhos abertos. Feche os olhos.
Respire profundamente pelo nariz até encher o peito de ar. Segure o ar nos pulmões por quatro ou cinco segundos. Em seguida, solte o ar dos pulmões pela boca vagarosamente.
Repita o processo por não mais do que cinco vezes, ou correrá o risco de obter a reação oposta da desejada.
Experimente usar a técnica e escreva ou grave os resultados em seu caderno de trabalhos. Você relaxou ou ficou mais excitado como queria? O que aconteceu com seu corpo e sua mente?
Você verá que cada vez ficará mais fácil. Você poderá ser capaz de relaxar ou excitar-se com apenas uma ou duas respirações com a prática.
III – TÉCNICA DA CONTAGEM
Um próximo passo no sentido de se condicionar para atingir um estado de consciência alterada, é usar a técnica da contagem.
Inicialmente faça não só esse mas outros trabalhos num local de pouca ou nenhuma luminosidade, silêncio ou som de relaxamento (música de relaxamento, mantras, sons da natureza, o que você preferir), e assumindo uma postura corporal de máximo relaxamento, sentado ou deitado. Com o tempo, você deverá ser capaz de fazer em pé, andando, falando com pessoas sem que elas percebam etc.
Comece sempre com as respirações profundas que ensinamos anteriormente. Diga para você mesmo que está caminhando gradativamente para um estado físico e mental mais profundo, mais tranqüilo e mais saudável na medida em que for contando regressivamente de 100 até zero. Você pode contar vagarosamente em voz alta ou mentalmente.
Contar inicialmente em voz alta provoca monotonia e fadiga hipnótica, o que favorece o processo. Nos intervalos de um número para o outro, internalize a mensagem “mais e mais profundo”, que pode ser representada em sua mente na forma visual (um letreiro piscando a frase, você descendo escadas para um “subterrâneo”, uma cena ou imagem que você associa ao relaxamento profundo, como uma paisagem na natureza, uma obra de arte etc.), auditiva (uma “voz interna” repetindo esta frase em meio ao som ou silêncio) ou sinestésica (sugestões para a indução de sensações corporais de relaxamento) ou uma imagem que integre os três elementos (imagem, som e sensações). Fique a vontade para escolher.
Pode ser que você durma ou entre num estado intermediário ou profundo de consciência alterada. Sugiro dois procedimentos:
*1 – Antes de iniciar este ou quaisquer trabalhos, faça um “contrato” consigo. Habitue-se a dizer o que quer daquela indução, quanto tempo vai durar e, no caso de entrar num nível mais profundo onde ocorre perda do controle consciente, dizer quanto tempo permanecerá neste estado (quantos minutos). Alguns usam com muito sucesso esta técnica para combater a insônia, e se dão sugestões para passar da hipnose para o sono natural acordando normalmente no outro dia.
*2 – Enquanto não adquire um maior controle, recomendo que use um despertador de som agradável e que lhe soe prazeroso e que se programe, no contrato, para “despertar” dois minutos antes.
Escreva e grave os resultados. Depois de ficar uma semana contando de 100 a 0, passe as próximas semanas contando de 50 até 0, depois 20 até 0, 5 até 0 e, finalmente 3 até 0. Para que você consiga a proeza de entrar num estado de consciência alterada em três segundos, é fundamental que gaste no mínimo uma semana de práticas diárias (ou tempo equivalente) em cada uma das etapas sugeridas para que ocorra um condicionamento de sua resposta fisiológica e psicológica.
Auto-hipnose significa estar consciente, porém num estado mais relaxado. Escreva sobre a diferença entre estar acordado, de olhos fechados e auto-hipnotizado.
Tendo se condicionado como ensinei, estou assumindo que 0 (zero) é o Estado Ideal para Trabalhos Mentais (ou Estado ITM). Neste estado, usaremos nossa mente hipnotizada para o alcance de nossos objetivos.

3. Concentre-se nas pálpebras cansadas e pesadas. Em poucos segundos, perceberá que as pálpebras começam a se relaxar até chegar ao ponto de não querer abrir os olhos. Imagine este relaxamento como uma onda expansiva, que invade o seu corpo. Imagine que o relaxamento se espalha pelo seu corpo como um manto suave e agradável.

4. Imagine-se no alto de uma escada de madeira de quinze degraus. No pé da escada, você vê uma porta que o leva a um lugar encantador. Comece a contar em voz alta, começando no quinze, descendo um degrau com cada número. Nos degraus, você pode ler as palavras “DURMA” e “MAIS PROFUNDAMENTE” até chegar à porta.

5. Agora que se aproximou, pode ler a palavra “SUBCONSCIENTE” escrita na porta. Abra a porta e entre nesse lugar encantador. É um lugar que lhe dá muita segurança e tranqüilidade. Pode ser um bosque, uma praia, uma casa maravilhosa ou qualquer lugar que lhe venha à mente.

6. Feche a porta atrás de você e preste atenção às cores… aos sons ou à música, aos cheiros agradáveis deste lugar e às emoções. Dê-se um tempo e desfrute este lugar. Depois de algum tempo, uma pequena caixa de madeira irá aparecer à sua frente. É uma caixa muito bonita e, com toda a curiosidade de uma criança que quer aprender, sente vontade de abrir a caixa.

Dentro da caixa, você encontra um presente ou um símbolo destinado a você. Não importa se no nível consciente não sabe de que se trata ou o que significa. O importante é que a sua mente subconsciente sabe como utilizar suas memórias e seus recursos internos para encontrar uma solução para o seu problema. Observe-se depois de ter conseguido o objetivo.

7. Preste atenção às cores, aos sonos e também ao que diz a si mesmo, no tom da sua voz falando para você mesmo, aos cheiros, se existirem. Preste atenção em como se sente por ter conseguido o seu objetivo. Agora, imagine-se entrando em você mesmo e preste atenção às suas sensações. Como seria a sua experiência com o objetivo alcançado?

8. Depois de alguns minutos, prepare-se para sair desse lugar, com toda segurança de que todas as vezes que quiser poderá voltar e entrar nesse lugar. Agora, comece a subir pelos mesmos degraus que desceu e conte de “um” a “quinze”. Quando chegar ao número “quinze”, o último degrau, abra os olhos e você poderá se sentir maravilhosamente bem.

 

http://upload.wikimedia.org/wikipedia

You tube

Edição : Rick Reymond

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: