Aurora Boreal – Espetacular fenômeno da natureza

19 jul 2011 | By

Aurora Boreal é um fenômeno muito distinto do Sol da Meia-noite, embora ambos estes espetaculares fenômenos naturais sejam visíveis apenas nos céus do Norte.

A palavra Finlandesa que define a Aurora Boreal, é ” revontuli ”, que vem de uma fábula Lapã/Saami.” REPO ” significa RAPOSA ( diminutivo ) e ” TULI ” fogo.Sendo assim,a palavra REVONTULI,significa fogo da raposa.Segundo a lenda,as caudas das raposas que corriam pelos montes lapões,batiam contra os montes de neve e as faíscas que saíam desses golpes refletiam-se no céu.
Aurora,que vem da deusa romana Aurora , e Boreal do Deus dos Ventos Bóreas.
Para os cientistas,a explicação que se dá para o fenômeno é a seguinte:
As Auroras Boreais são um fenômeno luminoso que ocorre nas zonas polares,originam-se quando as partículas eletricamente carregadas,transportadas pelo vento solar,chocam a grande velocidade com os átomos e moléculas da atmosfera terrestre.Os choques provocam a excitação dos átomos e das moléculas que emitem um ” fotão ” luminoso , quando se descarregam.


Os asiáticos acreditam que quem tenha presenciado este fenômeno que é a Aurora Boreal, viverá feliz pelo resto de sua vida. Especialmente, acreditam-se que seja uma fonte de fertilidade.
Se você viajar para o Alasca, poderá vivenciar este maravilhoso espetáculo.
A Aurora Boreal acontece no pólo norte,já a aurora austral ocorre no pólo sul.
O fenômeno é causado por uma tempestade magnética,que decorre de explosões no Sol que espalham no espaço e ao contato com as extremidades do Planeta Terra causam efeitos visuais impressionantes.

Auroras Boreais são causadas pelo fato do Sol emitir em todas as direções uma grande quantidade de partículas eletricamente carregadas,este fluxo de partículas recebe o nome de vento solar,que ao atingir as altas camadas da atmosfera da Terra, são capturadas e aceleradas pelo magnetismo terrestre,formam correntes elétricas que colidem com átomos de oxigênio e nitrogênio , num processo semelhante á ionização de gases que faz acender o tubo de uma lâmpada fluorescente.
Esses choques produzem radiação em diversos comprimentos de onda,gerando assim as cores características da aurora,em tonalidades fortes e cintilantes.

Um espetacular fenômeno da natureza.

Fonte: Pesquisa

Mais Videos

Mistério A+

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: