Curiosidades sobre a noite e a escuridão

25 ago 2011 | By

As criaturas que tem maior atividade à noite são chamadas de noctívagas. Exemplo de seres noctívagos: morcegos e anfíbios.

A noite são mais longas no inverno do que no verão. Nos países que adotam o horário de verão, ela é mais curta ainda.

As criaturas que tem maior atividade à noite são chamadas de noctívagas. Exemplo de seres noctívagos: morcegos, sapos, corujas, gambás, lobos…

Quem disse que a noite sempre foi silenciosa? Longe disso. A noite, principalmente nas florestas tropicais, são uma sinfonia de toda a espécie de ruído. Grilos cantam, sapos coacham, morcegos soltam guinchos, felinos rugem, corujas piam, canídeos uivam…

Os morcegos não tem uma visão aguçada, mas ouvem muitíssimo bem. Quando guincham, eles emitem ondas sonoras que funcionam como um radar sonoro que, desse modo, ajudam a localizar suas presas em plena escuridão.

Outro excelente caçador noturno é a coruja. Espécies como a coruja das torres são capazes de enxergar com apenas 10% da luz que o olho humano precisa para distinguir alguma coisa. Elas conseguem distinguir um pequeno roedor a 10 metros de distância no breu da noite.

Sapos, rãs e pererecas preferem sair à noite por causa das mudanças na pressão e na umidade do ar. A pele desses animais não se ressecam com o aumento da umidade, o que possibilita uma maior atividade da parte deles.

Você sabia que o período de maior atividade nos recifes de coral é o anoitecer? Quando a luz do sol começa a se dissipar no horizonte, diversos prededadores saem das tocas para atacar tanto os sonolentos peixes diurnos que se dirigem para seus esconderijos noturnos, quanto os animais da noite que começam a sair para se alimentar.

As plantas normamente chamadas de damas-da-noite são de espécies diferentes (ou seja, existem diversos tipos de damas-da-noite!). Elas receberam esse nome por que só exalam perfume à noite, ao que tudo indica, a fim de atrair insetos noturnos para sua polinização.

Você já ouviu falar na Noite das Garrafadas? Não? Pois a Noite das Garrafadas foi um evento histórico brasileiro ocorrido entre 13 e 14 de maio de 1831 quando partidários e simpatizantes do então Imperador Dom Pedro I se enfrentaram nas ruas do Rio de Janeiro.

A noite mais trágica da história da França foi a Noite de São Bartolomeu, ocorrida em 23 de agosto de 1572, quando milhares de protestantes foram assassinados nas ruas de Paris e outras cidades francesas.

Foi numa noite de Natal de 1895 que o escritor brasileiro Raul Pompéia, célebre por obras como O Ateneu, deprimido, acabou com a própria vida com um tiro no coração.

Uma das celebrações mais populares do México é o Dia dos Mortos, em 2 de novembro. Os mexicanos oferecem água, flores, velas, guloseimas e todos os bons frutos obtidos durante a ausência do morto. É uma data em que os vivos se aproximam dos mortos e vice-versa. Os túmulos são sempre limpos e decorados com coroas de flores. Em muitas cidades, as famílias fazem vigílias (e festas) noturnas nos cemitérios.

O Natal, a maior celebração do calendário cristão é comemorado à noite. E foi por causa de uma noite dessas que durante a Primeira Guerra Mundial soldados alemães e ingleses resolveram deixar as armas de lado para trocar presentes, enterrar seus mortos e até jogar futebol juntos. A comemoração durou seis dias.

A Virada Cultural, evento cultural com duração de 24 na cidade de São Paulo, foi inspirada em um evento europeu parecido, as chamadas Noites Brancas.

Você sabia que os astronautas à bordo da ISS (Estação Espacial Internacional) veem o sol nascer e se pôr 17 vezes por dia?

O medo da escuridão, tão comum em crianças, é chamado de acluofobia.

Vampiro é uma criatura mitológica que se alimenta exclusivamente de sangue humano. Existem diversos tipos de vampiros, sendo o mais comum o “morto-vivo” que se ergue do túmulo à noite para caçar suas vítimas. Os chineses chamavam os vampiros de kiang shi, os maias de camazotz, os árabes de alghul e os japoneses de kappa. Em todo o mundo, eles tem mais de 650 nomes diferentes.

Nenhum autor lucrou mais com os vampiros do que a norte-americana Stephenie Meyer, criadora da série Crepúsculo (Twilight, em inglês). A série é formada por quatro livros: Crepúsculo, Lua Nova, Eclipse e Amanhecer. Por enquanto (início de 2011), dois livros foram adaptados para o cinema, mas a previsão é de que todos cheguem às grandes telas.

O sucesso de Crepúsculo é tamanho que existe uma enorme variedade de produtos com os personagens da série: camisetas, bolsas, mochilas, canecas, xícaras, marca-páginas etc, etc, etc.

Você sabia que a noite está em processo de extinção? Pois é isso mesmo: os cientistas preveem que o crescimento das cada vez mais iluminadas cidades (e cada vez maior poluição luminosa) ofuscará o brilho das estrelas, tornando impossível a existência de um lugar onde a escuridão noturna seja total.

O livro (ou livros) mais citado do mundo depois da Bíblia é a coletânea de contos Mil e uma Noites. O nome da obra é uma referência ao tempo que Sherazade levou para contar suas histórias ao cruel rei Shariar, que tinha por hábito matar suas esposas à noite.

Você sabe o que é um equinócio? É quando o dia e a noite tem a mesma duração.

A noite na Antártida dura seis meses.

Fonte: Noite e Escuro 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: