o mutante mundo de sempre.(Rodrigo Siabonne)

05 fev 2011 | By

o mutante mundo de sempre.

A cidade agoniza noturna,
da mesma forma
desde antes de antigamente.

Apenas os rostos
que a lua teima em deixar azuis
é que mudaram.

Talvez os rostos de hoje
estejam um pouco mais tristes
ou um pouco mais cegos.

Os carros não são os mesmos,
embora permaneçam sendo carros.
Os prédios são outros,

os vestidos, mas os medos
e as dores (algumas delas),
perduram.

E continuarão existindo
os velhos bêbados
e o medo do escuro.

Há coisas que não mudam,
o medo da mudança
é uma delas.

Sempre existirão poetas,
com suas sanidades
incompreendidas

e sempre existirá gente sã,
com seu realismo louco:
o mutante mundo de sempre.

Rodrigo Siabonne

Um comentário em “o mutante mundo de sempre.(Rodrigo Siabonne)

  1. ta chegando um conto de vampiros
    XD

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: