O que fazer com os pressentimentos

07 set 2011 | By

Vivemos numa dimensão-tempo – passado, presente e futuro. Podemos entrar em contato com o passado, através das lembranças (saudade, olhar fotos, relembrar), das emoções (a raiva, o amor, a ternura) estimula as lembranças de momentos passados e de pessoas distantes ou que já partiram.

Podemos mexer no presente através dos pensamentos e atitudes e, de certa forma, estamos mudando o futuro que é a consequência do presente. É o único momento que podemos manipular e controlar de certa forma. Isso quando estamos acordados.

Quando dormimos, o espírito se afasta do corpo material e pode ficar mais lúcido e viver outra dimensão-tempo. E, de  certa forma entra em contato com acontecimentos futuros. Quando acorda pode se lembrar do que vivenciou espiritualmente e tiver pressentimentos.

Durante uma época da minha vida, tinha muitos sonhos premonitórios e geralmente envolviam acontecimentos negativos. Aí, depois de muita oração, os sonhos ficaram mais corriqueiros, mas ainda tenho sonhos premonitórios, mas são sonhos positivos também. Estabeleci um código mental para me lembrar dos sonhos e também tenho premonições positivas.

 Qualquer um pode ter pressentimentos ruins ou bons. Isso faz parte da sua essência espiritual e, também da vida espiritual que você tem enquanto dorme. Nosso espírito tem mais desenvoltura quando seu corpo dorme e pode ter acesso a vários planos e dimensões.

 As mães costumam ter muitas premonições acerca dos filhos, porque estão conectadas com a energia deles, mas saiba diferenciar pressentimento de preocupação.

 Ouça seus pressentimentos e avise a pessoa. O pressentimento é uma intuição muito forte acerca de um acontecimento futuro. Pode ser uma premonição vaticinando acontecimentos felizes ou mesmo aviso de notícias ruins.

Você saberá quando for pressentimento ou então uma atitude neurótica de superproteção e medo. Afinal, vivemos no presente e se ficarmos antenados no passado ou no futuro a vida vai passar.

Uma vez tive um sonho premonitório, mas ele não foi muito lúcido, mas quando a premonição se cumpriu me lembrei do sonho.

Uma vez ouvi uma frase de um famoso psiquiatra já falecido. Ele disse mais ou menos assim: “Pressentimento é como se fosse uma vacina que nos imuniza contra uma dor maior, ou um sofrimento insuportável.”

As sensações despertadas pelo pressentimento ( sentir antes) podem ter a força que você der a elas. Permita-se ouvir os avisos, mas use a razão para selecioná-los. A fé, a esperança e o bom senso vão lhe ensinar a usar essas forças espirituais do sexto sentido para que tenha uma vida melhor. Os bons espíritos sempre nos protegem e nos afastam de dores que não precisamos passar. Seu anjo de guarda é seu aliado e é um espírito amigo e evoluído.

Se você sentir um pressentimento ligado ao desencarne de alguém não se aflija. Espíritos bons raramente nos afligem com sensações que podem comprometer nosso momento presente. Separe a emoção do real.

 A intuição, o sexto sentido é um bem maior a que todos têm acesso. Basta ligar a máquina espiritual, a visão d’alma para sentir os eflúvios espirituais.

Hoje, conversando com uma mulher ainda muito jovem ela me disse:

“Sempre… tive uma sensação de que não ficaria muito tempo casada com o meu falecido marido. Não sei de onde vinha isso, mas eu achava que iria me separar dele. “- ela me segredou isso, mas sem sofrimento. O marido partiu depois de 10 anos de casado por conta de uma doença terminal aos 40 anos. Ela passou pela prova de uma forma muito centrada. Percebi o quanto foi amparada pela Espiritualidade Maior. Agora, ela prossegue feliz na sua caminhada.

Viva o agora! Se você gosta de cartomantes e, por ora, alguma vidente possa lhe falar de morte, luto, ouça com bom senso. Só Deus é que sabe desses acontecimentos fatais! Pense só no que é bom!

Uma visão realista, mas otimista da vida pode lhe ajudar a superar os maus momentos (passageiros) e a usufruir dos bons que serão muitos e muitos…

Livre-se da falta de fé, do pessimismo… Confie em você mesmo e em Deus! Quando tiver uma intuição negativa faça uma prece. Ore com fé e saberá se deve ou não avisar a pessoa. Seja feliz!

Fonte: Pressentimentos 

Antonella Barcelos

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: