O toque amoroso e as carícias sensuais são a chave para o prazer completo

24 jun 2011 | By

“No  seu corpo é que eu encontro, depois do amor o descanso e esta paz infinita. No seu corpo minhas mãos  se deslizam e se firmam numa curva  mais bonita … “.  É com muita poesia que Roberto Carlos retrata  em “seu  corpo”  a gostosa sensação  do toque amoroso, tão importante para o ser humano. Os bebês precisam ser tocados para que se desenvolvam bem. Mas será que só estes são beneficiados pelo toque?  Certamente não. Mesmo os adultos, necessitam desta “nutrição emocional” para o seu bem estar geral.

Utilizar todos os sentidos é fundamental  para uma vida sexual mais prazerosa. Olhar, ouvir , cheirar, sentir o gosto do beijo, tocar … Enfim, está inteiro na relação  sexual é, sem dúvida alguma, a chave para um sexo mais pleno e gostoso. Infelizmente muitas  pessoas não desfrutam deste prazer porque  não aprenderam a tocar nem a serem tocados.  Muitas vezes as “famosas ” preliminares são feitas rapidamente e, frequentemente, apenas os genitais são alvo da maioria dos toques. Muitas mulheres sentem falta da carícia suave por todo corpo  e  se calam diante de seus parceiros. Estes, por sua vez, aprenderam que fazer um “bom  sexo” , significa nunca “falhar” e ter várias relações num mesmo encontro amoroso. Mas será que é só isto?

A pele é extremamente sensível ao toque, pois a mesma está repleta de receptores táteis e, em função disso,  pode despertar impressões sensuais que causam prazer. O tato é, sem dúvida, um dos mais importantes elementos  da vida erótica. A própria relação sexual é um ato  fundamentalmente tátil. Sabemos que no corpo humano  há certas regiões  particularmente  sensíveis a estimulação erótica (zonas  erógenas), mas não podemos deixar de lembrar  que toda pele é erotizável, toda ela pode ganhar uma expressão sexual. Além disso, a carícia produz reações hormonais sobre a psiquê, proporcionando uma sensação de felicidade e bem estar. Por isso é tão bom ser tocado(a), principalmente por quem se ama. Na verdade, o prazer sensual  do  toque  é  uma comunhão entre as sensações físicas e emocionais vividas por cada ser humano.

É comum encontrarmos casais insatisfeitos. Muitos sofrem e se angustiam com problemas sexuais. A preocupação em “resolver o problema”  levam os mesmos  a se distanciarem cada vez mais do toque  amoroso e da carícia sensual.  isto só agrava o problema e interfere no prazer que se po de realmente desfrutar numa relação. Eles deixam de usufruir uma série de sensações e sentimentos maravilhosos que o corpo,  e não apenas os genitais podem proporcionar quando tocado com carinho.

Tocar, acariciar, fazer “chamego”  antes, durante  e depois da relação sexual proporciona um grande prazer físico e emocional para ambos. O importante mesmo é ser criativo, se soltar e se deixar  guiar pelos desejos  ditados pelo mais profundo do seu ser. É descobrir sempre  as novas possibilidades de prazer que o seu corpo do (a) seu/sua companheiro (a) são capazes de oferecer. Pois como bem diz aquela  música de Roberto Carlos:  “…  E  me deixo ser levado  por um caminho encantado que a natureza  me ensina…”. Experimente!

Fonte: Prazer

Mistério A+

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: