Os vírus mais famosos da história

01 ago 2012 | By

Uns foram por acidente, outros por maldade mesmo: confira os vírus mais conhecidos da história da internet:

Concept, 1995
Distribuído acidentalmente com um CD-ROM distribuído pela Microsoft, foi o primeiro a infectar documentos Word.

Chernobyl, 1998
Liberado no dia do aniversário do desastre de Chernobyl, corrompia informações críticas do sistema, paralisando o computador.

Melissa, 1999
Forçou empresas Microsoft e Intel a desligar seus gateways de e-mail tamanho o volume de mensagens infectadas. Seu criador foi condenado a 40 anos de prisão por causar danos de mais de US$ 80 milhões.

ILoveYou, 2000
O vírus do amor infectava um usuário e se auto-enviava para todos os contatos da sua lista. Roubava senhas e enviava ao seu criador, um filipino.

Anna Kournikova, 2001
Quem clicou na suposta foto da tenista russa que circulava por e-mail em 2001, se deu mal. O vírus apenas passava para frente a pegadinha, disparando a mesma mensagem para seus contatos.

Nimda, 2001
Tornou-se o vírus mais propagado da internet em apenas 22 minutos. Casou mais de US$ 635 milhões em danos.

Blaster, 2003
Infectava computadores Windows, fazendo a máquina reiniciar sozinha. Infectou grandes empresas, como a BMW, e até o Banco Central americano.

MyDoom, 2004

Bateu novos recordes, espalhando-se mais rápido que qualquer vírus até então. Usou as máquinas infectadas para lançar ataques de negação de serviço contra o site da Microsoft, entre outros.

Sasser, 2004
Seus danos tiveram consequências no mundo físico, para além dos computadores, fazendo a Delta Air Lines cancelar 40 voos transatlânticos e trens australianos falharem. Seu criador era um adolescente alemão.

Storm, 2007
Surgiu como uma suposta notícia sobre o mau tempo na Europa. Infectou milhões de PCs, usados depois por hackers para enviar spams e roubar identidades.

Revista Galileu

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: