Alho , cure-se com seus benefícios e receitas

25 mar 2017 | By

Vitaminas do alho
OS BENEFÍCIOS DO ALHO
Alho – Nome Científico: Allium Sativum
O alho é um parente das cebolas e alho-porós, tem o poder de reduzir o colesterol e a pressão arterial, tem ação germicida combatendo infecções além de possuir antioxidantes e flavonóides que combatem o envelhecimento e muitas outras propriedades. Acredita-se que a maioria dessas propriedades se devem à riqueza de substâncias sulfurosas na sua composição. A ação mais saudável do alho é sua capacidade de melhorar as condições cardíacas, suas ações germicidas e anticancerígenas. Enfim, o alho é um dos alimentos acessíveis mais saudáveis.

Não é de hoje que o alho recebe o atributo de alimento bom para saúde. No célebre papiro de Ebbers, de 2.550 a.C., havia mais de 20 receitas à base de alho indicadas para combater infecções, dor de cabeça e faringites. Outros documentos datados de 3.000 anos A.C., elaborados pelos Babilônios, Chineses e Romanos também mostraram o uso do alho como medicamento. Mas, foi Hipócrates, pai da medicina, o primeiro a demonstrar com detalhes, o uso do alho como diurético e laxante. Plínio e Galeno, médicos romanos, também utilizaram o alho para o tratamento de infecções intestinais, problemas digestivos, pressão alta, senilidade e impotência. Nas anotações de Marco Polo há várias mostrando o uso do alho pelos chineses para desintoxicação.

Propriedades do Alho:

É lógico que a evidência clínica do valor efetivo do alho, tanto na prevenção quanto no tratamento de inúmeras afecções não se justifica apenas pelo seu conteúdo de minerais e vitaminas. Várias pesquisas têm atribuído seus efeitos terapêuticos pela presença de algumas substâncias. As mais importantes delas, quando o assunto é coração, são:

* Óxido dialildissulfeto, com capacidade de reduzir os níveis de lipídeos e do colesterol do sangue.
* Germânio: elemento condutor de oxigênio com ação revigorante e rejuvenescedora, graças à sua capacidade de conduzir oxigênio, agente hipotensores que ajudam a controlar a pressão arterial sem provocar efeitos secundários.
* Selênio: um mineral protetor do coração, pois ajuda a prevenir a formação de ateromas, de coágulos e ainda normaliza a pressão arterial.
Para completar o alho ainda tem alicina, a alina, ambas com efeitos antibactericida e antiinflamatório.
A gordura das artérias, aquela que deve ser eliminada quando em excesso, é chamada de Colesterol e o alho tem as seguintes propriedades:

· Previne doenças coronárias e circulatórias. Efeito hipotensor devido a vaso dilatação periférica, sobretudo nas pernas, olhos e cérebro. Recomendado para tratar a esclerose cerebral.
Combater o colesterol e os triglicerídeos altos, por conter alicina;
Reduzir a pressão arterial, pois relaxa os vasos sanguíneos;
Prevenir trombose, por ser rico em antioxidantes;
Proteger o coração, por baixar o colesterol e os vasos sanguíneos.
· Previne infartos
· Reduz a coagulação do sangue
· Reduz a pressão sangüínea
· Previne a agregação plaquetária; útil em tromboses e arterioscleroses.
· Combate infecções bacterianas, viróticas e fúngicas (para tratamento de fungos em dermatofitos que afetam a pele e leveduras, como Cândida Albicans).
· Diminui o risco de câncer do estômago, gástrico e outros.
· Reduz os níveis de açúcar e glicose, ajudando no tratamento da diabetes.
· Efeito hipo-colesterolemiante (tratamento do colesterol).
· Efeito anti helmíntico suave (Tratamento de parasitas intestinais).
· Efeito expectorante.
· Rubesfaciente e vesicante em uso externo.
Também se usa para combater problemas artríticos, inclusive em forma de tintura, ou em outras formas: para uso externo, e ainda em frieiras e verrugas. Em alguns lugares é usado, igualmente, como preventivo do cancro.

O Alho contém fructosanos (cadeias de moléculas de frutose) em abundância que lhe conferem una clara ação diurética. O seu óleo essencial contém dissulfuro de alilo proveniente da decomposição da alicina por ação duma enzima, a alizinase. Contém vitamina A, B1, B2, C, uma amina do ácido nicotínico, colina, hormonas, alicetoína I e II, ácido sulfociánico, iodo e vestígios de urânio. Esta complexa composição faz com que o alho tenha uma ação muito diversificada no organismo.

Alho com Azeite de Oliva Extra Virgem
Resultados conhecidos:

· Desaparecem as dores de articulações;
· Limpeza das artérias devido à presença dos ácidos graxos insaturados do azeite;
· Dissolve sangue pisado em derrame ocular, trombos.
· Protege contra gripes e infecções;
· Melhorar poder das cordas vocais;
· Limpa pulmões.
Como preparar:
· Um dente de alho para cada 20 quilos de peso.
· Esmagar os dentes alho cru, e colocá-los dentro do azeite de Oliva extra-virgem (um ou duas colheres da sopa) por um prazo mínimo de 30 minutos.
· Pode-se colocar a mistura no alimento habitual, ou em caldos quentes.
Como usar:
· O tratamento é feito à noite, pois sobrevém uma sonolência e depois sono profundo e reparador.
· Esse tratamento deve ser feito durante 4 meses seguidos.
· Depois desse período descansa uma semana por cada mês.
· Outros a serem complementados por aqueles que fizerem esse tratamento com fé.
· Deve ser combinado com outros tipos de alimentos saudáveis.

Como utilizar o alho para proteger o coração
Para proteger o coração, deve-se dar preferência à utilização de alho fresco, que pode ser adicionado como tempero de preparações culinárias, colocado na água ou tomado na forma de chá.

Água de Alho
Para preparar a água de alho, deve-se colocar 1 dente de alho amassado em 100 ml de água e deixar a mistura descansar durante toda a noite. Essa água deve ser consumida em jejum para que ajude a limpar o intestino e reduzir o colesterol.

Chá de Alho
O chá deve ser feito com 1 dente de alho para cada 100 a 200 ml de água. Deve-se adicionar o alho picado ou amassado em água fervente por 5 a 10 minutos, retirar do fogo e beber morno. Para melhorar o sabor, pode-se adicionar raspas de gengibre, gotas de limão e 1 colher de mel ao chá.
Receita de Pão de Alho
Ingredientes
1 colher de sopa de manteiga amolecida sem sal
1 colher de sopa de maionese light
1 colher de café de pasta de alho ou alho in natura bem picado ou amassado
1 colher de café de salsinha picadinha
1 pitada de sal
Modo de Preparo
Misturar todos os ingredientes até virar uma pasta, espalhar nos pães e embalar em papel alumínio antes de levar ao forno médio por 10 minutos. Retirar o papel alumínio e deixar por mais 5 a 10 minutos, para dourar o pão.
Para voce cultivar em casa seu canteirinho de alho:
Cultivar nossas próprias ervas e temperos em casa é uma grande ideia, já que estaremos seguros de que são de origem orgânica e de que não foram submetidos a nenhum tipo de pesticida. Além disso, é uma forma de ter um fornecimento interminável da planta, de modo que sempre teremos um pouco quando necessário.
O cultivo do alho em casa é realmente especial já que, além de ser muito fácil, trará como resultado este alimento tão saudável para o organismo.
Para plantar o alho em casa você vai precisar de:
1 cabeça de alho.
1 vaso de 20 centímetros de profundidade.
Terra para vasos.
Instruções
Escolha uma cabeça de alho da variedade que preferir e separe os dentes, deixado sua casca intacta.
Escolha um vaso com 20 centímetros de profundidade e que tenha uma drenagem de água na parte inferior, para que o líquido restante possa ser eliminado depois da planta ser regada. Encha o vaso com terra suficiente e procure deixar, pelo menos, um centímetro antes da borda.
Depois, coloque os dentes de alho no vaso, de modo que fiquem enterrados pelo menos a 10 centímetros de profundidade e com a parte pontiaguda apontando para cima.
Você pode colocar no vaso mais de um dente de alho, sempre e quando fiquem separados por no mínimo 8 centímetros de distância.

O ideal é cultivar o alho quando o clima for quente, pois a luz solar é determinante para sua germinação. No entanto, é possível cultivar o alho durante o inverno, mas para isso deve-se seguir alguns cuidados especiais para obter bons resultados. Evite regar a planta em excesso, pois a água pode apodrecer o dente de alho já plantado.A colheita do alho pode demorar entre 8 e 10 meses, justo quando as folhas externas começarem a adquirir uma coloração marrom. Quando isto ocorrer, você pode desenterrar seu alho, colocá-lo em um local fresco e seco durante uma semana, e pronto: agora você tem uma cabeça de alho para uso medicinal e culinário.

O alho pode ser usada como tempero de carnes, peixes, saladas, molhos e acompanhamentos como arroz e macarrão.

O alho pode ser usado para reforçar o sistema imunológico, mas o ideal é ter a orientação de um especialista. O excesso também é contraindicado para quem já toma anticoagulantes e para quem tem problemas gastrointestinais com alho. Além disso, é importante lembrar que o alho cru é mais potente que o cozido, que o alho fresco é mais potente que o alho velho, e que os suplementos de alho não trazem tantos benefícios quanto o seu consumo natural. As gestantes não devem comer em excesso, assim como pessoas que passarão por cirurgias.
É sempre importante saber das propriedades e benefícios que os alimentos trazem para a nossa saúde. Mas atenção, mesmo o alho tendo todos esses benefícios e propriedades medicinais, se você sentr qualquer sintoma estranho, é importante procurar um nutricionista pois você pode ter algum tipo de intolerância. Nada de se “automedicar com alho” e esperar milagres

Veja também – alho-o-mais-poderoso-remedio-natural/

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: