Poderoso antioxidante natural – Beldroega

05 mar 2017 | By

Naturalmente A CURA

Beldroega

Beldroega ou tambem conhecida por outros nomes: portulaca, porcelana, salada-de-negro, caaponga e beldroega-da-horta

A beldroega é simples, bela, nasce ‘espontaneamente’ em qualquer cantinho, não precisa de muitos cuidados e…é vista como erva daninha,porem esta planta é um poderoso remédio natural de antioxidantes e ômega 3

É rica em mucilagens, em ácido ómega-3”, ajuda à redução dos níveis de colesterol. Em saladas ou levemente refogado  tem sabor agradavel e substitui o espinafre
Muito pouco usada no Brasil. A Beldroega é uma planta medicinal conhecida desde os tempos antigos por ter grandes virtudes medicinais.É uma planta medicinal conhecida desde os tempos antigos por ter grandes propriedades medicinais, a Beldroega está sendo ainda mais valorizada por ser um dos poucos alimentos de origem vegetal que é grande fonte do ácido graxo ômega 3, necessário para a boa manutenção da saúde.
-Possui betacaroteno  manganês, ferro e cálcio e contém pequenas quantidades de vitaminas B1, B2, B3, B6 ,cobre, ácido fólico e fósforo.
Devido às suas propriedades medicinais, a planta tem sido usada como remédio natural, serve como analgésico, anti-hemorrágico, tônico e Diurético é um ótimo remédio para artrite, dores de cabeça e problemas nos dentes e gengivas.
Com de um alto teor de água e um sabor ligeiramente ácido que lembra o espinafre fresco, a Beldroega pode ser consumida crua ou cozida, sendo uma ótima opção para ser acrescentada em sua salada.

Seu uso na culinária teve início na Europa, Ásia e México, usada em saladas, para refogar outros vegetais em azeite de oliva e no preparo de sopas e guisados. A planta é rica em substâncias  vitamina A, B, C, minerais como magnésio, cálcio, potássio, ferro e o pigmento carotenoide, responsável pela cor avermelhada do caule da planta. É rica em glicose, frutose e sacarose. 
A erva é eficaz no tratamento de doenças da bexiga, colesterol, olhos, rins, vermes e vias urinárias, sendo um ótimo remédio diurético, emoliente, emenagogo, laxativo, antiinflamatório e estanca o sangue de hemorragias gengivais.

USO:

É possível utilizar as folhas, sementes e talos da planta aplicando em:
Sucos: o suco das folhas de beldroega pode ser utilizado para tratar inflamações oculares, queimaduras, eczemas, erisipelas, calvície, entre outros. Sendo diretamente aplicado na área afetada, não ingerido, apenas ingerido no caso de problemas do fígado, bexiga e rins.
Chá: usado de forma diurética.
Sementes: quando ingeridas, combatem vermes intestinais.
Os talos e as folhas machucados, podem ser aplicados sobre queimaduras e feridas, pois aliviam a dor e aceleram o processo de cicatrização.
O melhor é que este alimento incrivelmente rico em nutrientes pode ser plantado em casa, durante o verão, facilitando assim o seu consumo.

Uma receita de Beldroega como salada
INGREDIENTES

Uma porção  de Beldroega
3 dentes de alho
Vinagre de maçã
MODO DE PREPARO  

Lave bem os caules e as folhas da beldroega.
Corte em pedaços deaproximadamente 2,5 cm e coloque-os em um frasco de vidro.
Acrescente alho picado em seguida, despeje o vinagre de maçã  está pronta a salada para o consumo.

O caule e as folhas são crocantes e têm sabor agridoce. Na culinária, é usada quase que totalmente, com exceção das raízes. Utilizada na forma de saladas cruas, com limão, sal e azeite de oliva, ou como acompanhamento de peixe. Os talos e folhas, quando adicionados no preparo de sopas, caldos e ensopados, dão consistência cremosa ao preparado. Também podem ser utilizadas em sucos ou refogadas como hortaliças.
Fitoterapia

A beldroega também possui propriedades medicinais, e é utilizada nas afecções urinárias, hepáticas, em queimaduras, oftalmias(o suco das folhas), diurética(folha, caule), úlceras, galactogoga, febrífuga, mucilaginosa, leucorréia, hemorróidas, erisipela, cólicas renais e como vermífuga.

Emplastros da folha verde são usados no tratamento da mastite, furúnculos, feridas e impetigo.

Também é utilizada como tratamento auxiliar nas picadas de animais peçonhentos.

As folhas mastigadas e deglutidas são usadas contra úlceras e dores de barriga.

Identifique e aprenda mais uma receita

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: